Um sistema de segurança CFTV pode utilizar câmeras analógicas, digitais (IP) ou ambas. Quando as câmeras utilizadas são apenas analógicas, o sistema de controle e gravação das imagens é o DVR.

No entanto, quando são utilizadas câmeras IP, os aparelhos utilizados são o NVR ou HVR. Vamos conhecer melhor cada um deles e suas diferenças.

O NVR

O que é NVRNVR é a sigla para Network Vídeo Recorder. Ele é utilizado para gerenciar e gravar imagens de câmeras IP e não possui suporte a câmeras analógicas.

Como se sabe, é possível acessar as imagens de câmeras IP diretamente, sem o uso de um equipamento centralizador. No entanto, o uso do NVR é essencial quando são utilizadas diversas câmeras e traz muitos benefícios e vantagens.

Diferente da arquitetura analógica em que cada câmera é ligada diretamente ao DVR através de um cabo coaxial, em uma arquitetura digital, com dispositivos IP, todas as câmeras e o NVR são conectados à rede de dados, aos switchs, através de cabos UTP (cabos de rede). O NVR consegue então identificar cada câmera IP ligada à mesma rede e realizar então o seu gerenciamento e gravação das imagens.

O NVR possibilita gerenciar e visualizar as imagens de todas as câmeras de um único ponto, o software também possui muito mais recursos do que o disponibilizado pelo software direto da câmera.

Além disso a gravação em um NVR pode ser feita em HD e em Full HD. Por utilizar um sistema de armazenamento em disco, é possível manter uma quantidade maior de imagens e ter uma acesso mais fácil a elas.

Os NVRs conseguem gerenciar uma quantidade maior de câmeras do que os DVRs. Existem modelos para gerenciar de 4, 8, 16, 32 e 64 câmeras IP. Existem também equipamentos de grande porte, mais customizados, que podem gerenciar até mais câmeras, como em casos de cidades, grandes aeroportos e etc.

Um dos aparelhos mais procurados no mercado é o NVR Intelbrás. Veja abaixo como é a traseira de um dos modelos disponíveis.

NVR Intelbras

O HVR

O HVR é o chamado sistema híbrido (Hybrid Video Recorder). Ele consegue gerenciar e gravar imagens tanto de câmeras analógicas quanto de câmeras IP, possuindo as mesmas funções mencionadas acima.

Têm sido muito utilizado em projetos em que o cliente não quer trocar as antigas câmeras analógicas, que muitas vezes são caras e de excelente qualidade, mas deseja que as novas câmeras adquiridas já sejam IP, um processo de migração. Com o isso o HVR pode ser um gerenciador central para as duas tecnologias.HVR - Gravador de Vídeo Híbrido

Alguns aparelhos de HVR suportam também a tecnologia AHD, que é a sigla para Analogic High Definition. AHD é a tecnologia utilizada em câmeras analógicas (ligadas através de cabos coaxiais) com capacidade de gerar imagens em HD, ou seja, em alta definição, nesse caso são utilizados os gravadores HVR com suporte a essa tecnologia.

Como um complemento, o vídeo abaixo explica um pouco mais sobre as principais diferenças entre DVR, NVR e HVR, além de dar dicas interessantes para quem deseja adquirir um desses aparelhos:

É importante conhecer os conceitos e principais equipamentos, mas um sistema de segurança CFTV é muito mais que isso. Para quem deseja se aprofundar e trabalhar na área é importante investir em um curso especializado no assunto. Se você tem interesse em se especializar, seja por curiosidade seja por fins profissionais, leia um pouco sobre cursos CFTV.